• Maurilio Trindade Junior

Primeiro ano de gestão será o mais difícil declara Altir Antonio Peruzzo

A única questão que a gente tem é que a prefeitura se quer teve certidão negativa.


Após os resultados da ultima eleição em Juína, o candidato Altir Antonio Peruzzo (PT) eleito com 12 mil votos, em entrevista a reportagem declarou, em relação a gestão atual que, retomar os trabalhos será trabalhoso, principalmente no primeiro ano de gestão, devido a falta de certidão negativa em praticamente toda a gestão do atual prefeito, o que impossibilitara a realização de convênios já no primeiro ano de mandato e possivelmente até parte do segundo ano, devido também a burocracia na realização de convênios.


“Acho que quatro anos atrás a população deu um tiro no escuro e acreditou em quem prometeu mais, numa proposta fantasiosa, desconectada da realidade onde se prometeu tudo, o impossível mais a gestão deixou de fazer o que era possível, e agora o pessoal ainda escaldado pelo que aconteceu quatro anos atrás e preferiu de fato acreditar numa proposta mais pé no chão e mais concreta, eu ainda não tenho os dados efetivos sobre como esta a prefeitura, se vai estar saneada ou vai estar com problemas financeiros, a única questão que a gente tem é que pela maior parte do tempo a prefeitura se quer teve certidão negativa, e isso impediu a realização de inúmeros convênios nesses últimos quatro anos e com certeza se não a convênios firmados nos vamos assumir e encontrar muita dificuldade principalmente no primeiro ano tendo em vista que normalmente o processo de convenio é todo trabalhado em um ano para ser conveniado no ano anterior ou até mesmo no segundo ano. Então é assim, precisamos tomar informações sobre a situação mas, nos preocupa mesmo essa situação da falta de certidão que foi uma tonica durante os quatro anos e que isso se reflete na falta de projetos e convênios principalmente para que a gente possa chegar lá e dar andamento em algumas obras, algumas atividade importantes para a população ”.


Em relação ao partido ser minoria na câmara dos vereadores, Altir declarou não ter tido em nenhuma das suas gestões, problemas com a câmara procurando sempre trabalhar em harmonia com a mesma, usando sua experiência obtida em 8 anos como vereador, além do mais, alertou os vereadores do próximo mandato para tomarem cuidado e procurarem trabalhar em harmonia com o poder executivo.


“As duas vezes que eu fui prefeito sempre fui minoria na câmara e sempre procurei trabalhar de forma aberta e transparente com a câmara inclusive aproveitando um pouco a minha experiência de já ter sido vereador por duas vezes, e sempre consegui conduzir os trabalhos sem muitas dificuldades e acredito que não será diferente agora até porque as urnas deram um recado importante pra câmara de vereadores, quatro anos atrás eu vinha, mesmo que eu tenha perdido a eleição, eu vinha de uma gestão bem avaliada, nos tivemos a reeleição da maioria dos vereadores daquela época, inclusive aos mais votados, Tuna, Neguinho, Geraldinho, Paulão que foram a reeleição e foram os mais votados, se não me falhe a memória. Nessa com a gestão do município esta ruim isso acabou sucumbindo também o trabalho da câmara, você pode ver que os três mais votados nunca foram vereadores, e os atuais vereadores todos praticamente decaíram, inclusive a maioria deles nem se reelegeu e aqueles que se elegeram foi com uma votação menor que tinham sido eleito, inclusive um caiu pela metade a votação de quatro anos atrás, então serve de recado para a câmara de vereadores entender que, é preciso ter sintonia com o prefeito, trabalhar para que a gestão do município vá bem, para que o prefeito vá bem, por que só assim o trabalho do vereador também aparece e é reconhecido pela população”.


Sobre os resultados da eleição, segundo Altir Peruzzo, os resultados não o surpreendeu devido a aliança estabelecida no inicio da campanha, a proposta “pé no chão” além da memória de sua boa gestão de 2008 a 2012 que serviu de exemplo de seu trabalho, além dos candidatos a vereador que reavivaram essas memórias nos eleitores. “Eu acho que não, eu acho desde que o processo começou nos conseguimos compor uma aliança bastante ampla, nos deu a condição de ter uma chapa de vereadores, duas chapas, que estavam bem distribuídas nos diversos bairros da cidade, na zona rural e que contemplava muito a nossa proposta que é uma proposta pé no chão, uma proposta de retomar a nossa boa gestão que a gente fez até 2012 corrigindo algumas falhas que por eventualmente aconteceram e nos ajudaram a levar o recado até o eleitor somado a isso nos tínhamos a nosso favor a lembrança da boa gestão que fizemos no passado o que permitiu a gente, desde a largada estar na frente , ai coube a gente durante a campanha fazer um processo de relembrar, reavivar a memória das pessoas para isso e mostrar que nos tínhamos sim a condição de ser a dupla escolhida, eu e o Luiz, para comandar o município nos próximos 4 anos”.


Por: Maurilio Trindade Junior

Logo Site Projetar e Construir.jpg
LOGO FINANÇAS E CONTABILIDADE.jpg
LOGO SAÚDE EM FOCO.jpg
Logo_AgroNegócio_&_Veterinária_Miniatura
Logo Moda & Tecnologia Miniatura.png
Logo Educação Política miniatura.jpg