• A Folha do Vale - Jornal e Site

Representantes de Juruena vão a Brasília cobrar pavimentação da BR 174


A prefeita do município de Juruena, Sandra Crozetta, juntamente com o secretário de infraestrutura Bernardo Crozetta e o vereador Diogo Orben se dirigem nesta quarta-feira(21/06) para Brasília, com o objetivo de “pressionar” o governo federal para iniciar as obras de pavimentação da BR 174 entre Castanheira e Colniza.

Ainda neste ano de 2017, com a posse dos novos gestores municipais, diversas reuniões entre governo do estado e representantes dos poderes executivo e legislativo dos municípios da região foram realizadas para discutir sobre a possibilidade de inicio da pavimentação da estrada.




Um dos resultados obtidos das reuniões realizadas, é quanto a manutenção da rodovia no período da seca, que já vem sendo realizada, no entanto, não houve uma data fixa para inicio das obras de pavimentação da rodovia, oque deixa muitos gestores apreensivos.




Para os gestores dos municípios que necessitam da BR 174, como é o caso deJuruena, é necessário que a obra inicie ainda este ano, para que a mesma tenha possibilidade de ter uma continuidade em 2018.




Atualmente, o projeto de pavimentação da BR 174 possui recursos federais e já tem as obras de pavimentação lançadas e publicadas nos diários oficiais do Estado e da União na modalidade Regime Diferenciado de Contratações (RDC).




São ao todo seis lotes de obras, num valor estimado de R$868.953.000,00(valor de 31 de Dezembro de 2016) e segundo o site institucional do ministério do planejamento, a obra já está em execução.



O que mais preocupa os prefeitos do noroeste do estado de Mato Grosso, é que a mesma “novela” que se sucedeu após o período eleitoral de 2013 venham a se repetir no ano de 2018.




No final da gestão de Silval Barbosa(2013), já havia licitações para inicio das obras de pavimentação da BR 174 e no entanto, com a eleição do atual governador Pedro Taques, os processos licitatórios foram travados, bem como o projeto de pavimentação, sobre o pretexto de irregularidades.




Sendo assim, nos últimos anos o governo esteve refazendo todo o trabalho realizado na gestão anterior e agora, no final do mandato, com o período eleitoral próximo, é grande o risco da história se repetir, uma vez que é impossível que o atual governador Pedro Taques outro da mesma linha politica venha a vencer.




Sendo assim, é natural os gestores da região procurarem seus representantes em Brasília para que a obra possa iniciar ainda neste ano, o que possibilitara uma continuidade da mesma após 2018.




Por: Maurílio Trindade Junior




Agenda Digital da Cidade















Logo Site Projetar e Construir.jpg
LOGO FINANÇAS E CONTABILIDADE.jpg
LOGO SAÚDE EM FOCO.jpg
Logo_AgroNegócio_&_Veterinária_Miniatura
Logo Moda & Tecnologia Miniatura.png
Logo Educação Política miniatura.jpg