top of page
GUPET.jpg
Logo Site Projetar e Construir.jpg
LOGO FINANÇAS E CONTABILIDADE.jpg
LOGO SAÚDE EM FOCO.jpg
Logo_AgroNegócio_&_Veterinária_Miniatura
Logo Moda & Tecnologia Miniatura.png
Logo Educação Política miniatura.jpg
MÍDIA DA CASTERLEITE ATUALIZADA_edited.jpg
95090b_c4ed513d5c6c4c7ab4c88326c9ab528b~mv2.png
MIDIA JORNAL A FOLHA DO VALE DISK PRÁTIC
Guia Digital da Cidade_edited.jpg
Mandala%20do%20L%C3%ADrio_edited.jpg

Integração Ativa, no Guia Digital da Cidade:

Cotriguaçu Investe na Conscientização e na Formação dos Estudantes Quanto ao Cacau Clonal

Todo município precisa investir na expansão e no aprimoramento do extrativismo vegetal, na pecuária e na agricultura, pois, um município somente será bem desenvolvido e rico se a sua população também for.

Neste sentido, a administração municipal de Cotriguaçu vem trabalhando o fortalecimento de algumas cadeias produtivas, visando com isso melhorar a qualidade de vida de renda dos pequenos, médios e até grande pecuaristas e produtores rurais.


Dentro desta gama de fortalecimento das cadeias produtiva, o cacau clonal tem sido uma alternativa que parece ser rentável a implantação na região e em Cotriguaçu alguns produtores já estão colocando em pratica a atividade, a qual promete ser um grande gerador de renda e qualidade de vida para aqueles que acreditar e investir recursos e esforços de trabalho.


De acordo com o secretário de Agricultura de Cotriguaçu, David Lima Lopes, a Secretaria municipal de Agricultura de Cotriguaçu, firmou uma parceria com a Escola André Maggi no Distrito de Nova União.

Desta parceria foi feito a implantação de uma unidade demonstrativa de cacau clonal. De acordo com o secretário, “foram implantadas 10 variedades de cacau vindas da CEPLAC, estas variedades são auto compatíveis, resistentes a doenças e com capacidade de produzir até 10 vezes mais do que o cacau convencional”, informou.

O Secretário Municipal de Agricultura David Lopes desta a importância deste avanço dizendo que: “Somente temos que comemorar a parceria feita com o diretor da Escola Andre Maggi Itamar Pereira, pois estão dando oportunidade para que os alunos conheçam melhor esta cultura que vem ganhando espaço no Estado de Mato Grosso principalmente nas Regiões Norte e Noroeste com maior força nos Municípios de Cotriguaçu, Colniza, Alta Floresta e Juína”, destacou David Lopes.


Por: Maurilio Trindade Aun com assessoria