• Por: Maurilio Trindade Aun/Jornal a Folha do Vale

Em Itanhangá Obras e Ações Acontecem e os Pagamentos se Mantém em dia

Praticamente em todos os municípios, as demandas normalmente são maiores do que os seus recursos, todavia, uma boa administração planeja e procura traçar um trabalho de desenvolvimento levando aos munícipes a certeza que todos podem crescer e que a administração mesmo diante das dificuldades, está sempre empenhada em solucionar os problemas, que normalmente são muitos.

No município de Itanhangá o vice-prefeito Emerson Sabatine (PSB), atual secretário de finanças e administração tem desde o início assumido essa função, quebrando um histórico de brigas entre prefeito e vice-prefeito em Itanhangá, ou seja, nas administrações anteriores, sempre houve falta de entrosamento entre vice e prefeitos, bem diferente desta administração que tem o prefeito Edu Pascoski (PL) e vice-prefeito Emerson Sabatine, desta harmonia, tem resultado em economia e numa das melhores administração que Itanhangá já teve até agora.

O atual secretário de finanças, Emerson Sabatine ao ser questionado como está hoje a economia de Itanhangá, a situação da administração, afirmou que:


Hoje a administração de Itanhangá encontra com a sua saúde financeira regularizada, todos os nossos fornecedores estão com seus pagamentos em dia, tudo dentro da programação, sempre ao final de cada mês estamos pagando a folha do funcionalismo municipal, e já temos uma previsão de até o dia 10 de dezembro estarmos quitando todo o decimo terceiro do funcionalismo municipal e esperamos antes do natal conseguimos pagar a folha de dezembro de todos os funcionários públicos municipais”, afirmou o vice-prefeito Emerson Sabatine.


De acordo com o secretário de administração, Emerson Sabatine, a arrecadação do município tem se mantido dentro dos valores de 2018, principalmente do ICMS e com um pequeno aumento do FPM, e de acordo com o mesmo, dentro de uma gestão responsável e eficiente, está sendo possível realizar obras com recursos próprios e manter os compromissos em dia, comentou Emerson Sabatine.



Dentro da atual arrecadação e com um trabalho responsável, a atual administração tem realizado diversas obras com recursos próprios, de acordo com o vice-prefeito, atual secretário de finanças e administração, o município tem investido em torno de 7% a 10% do bolo de arrecadação em obras, o qual disse que:



Hoje em 2019 as emendas parlamentares foi muito pouco, tivemos algumas emendas de custeios na área de saúde, que transferência de fundo a fundo, que foi em torno de R$ 150.000,00 (cento e cinquenta mil reais), e temos sim, várias emendas que estão em programação, e esperamos que até o final do ano sejam concretizadas pelo governo federal, mesmo assim, temos avançados em obras com recursos próprios, pois, hoje a nossa administração tem investido de 7% a 10% do bolo de recursos recebidos, ou seja, economizados e retornamos em obras e investimentos, isso após investir em torno de 30% em educação, em torno de 27% em saúde e ainda a folha do funcionalismo público e seus encargos sociais, e assim, economizando e fazendo uma administração responsável, temos conseguido fazer sobrar em torno de 7% a 10% em retorno em obras”, afirmou Emerson Sabatine.

Entre as diversas pequenas e medias obras, o vice-prefeito destacou a praça que está sendo finalizada, e será entregue agora em dezembro a população, o ginásio de esporte na vila Simione que tem previsão de ser entregue a população em janeiro, a UBS também em fase final e que será entregue a população possivelmente até o mês de fevereiro, lembrou das 05 salas de aula inaugurada, farmácia básica entregue a população, e diversos outras obras que foram investimentos com recursos próprios, comentou o secretário Emerson Sabatine.

O atual vice-prefeito, e toda a atual administração municipal sabe da necessidade de fortalecer a economia local, único fator que possibilitará a melhoria da arrecadação, e a qualidade de vida de todos, ou seja, o município precisa apoiar e incentivar a agroindústria (pequenos produtores a trabalhar a sua matéria-prima), incentivar e apoiar as cadeias produtivas, único meio de melhorar a qualidade de vida da população e indiretamente melhorar a arrecadação, neste sentido o vice-prefeito Emerson Sabatine, destacou que:


O município tem dentro das suas possibilidades, tentado ajudar os pequenos produtores, através de fornecimento de maquinas, através da EMPAER que tem desenvolvido projeto para os pequenos produtores, estamos com um projeto de lei para ser aprovado no poder legislativo que incentiva a bacia leiteira, possibilitando que o município possa fornecer alguns produtos a cadeia produtiva, principalmente visando melhorar a genética, existem alguns programas que a nossa administração tem feito aos pequenos, médios e grandes produtores, pois, precisamos que todos melhorem os seus rendimentos, e assim o município também melhora”, afirma secretário de finanças de Itanhangá, Emerson Sabatine.


Na oportunidade, o vice-prefeito salientou a necessidade de regularização fundiária do perímetro rural, principalmente dos lotes oriundos da reforma agraria, que perfaz em aproximadamente 41% da área do município, pois, são 1141 lotes de 100 hectares cada, sendo que o perímetro urbano, a atual administração vem regularizando, tanto na sede do município, bem como, nos distritos de Simione e Monte Alto, todavia, a regularização dos lotes rural depende do governo federal, do INCRA, e a nossa administração tem avançado e feito esforços no sentido desta regularização e acreditamos que com a nova direção do INCRA a situação caminhe de maneira positiva a todos, comentou Emerson Sabatine.


Por: Maurilio Trindade Aun

Guia Digital de Itanhangá

Logo Site Projetar e Construir.jpg
LOGO FINANÇAS E CONTABILIDADE.jpg
LOGO SAÚDE EM FOCO.jpg
Logo_AgroNegócio_&_Veterinária_Miniatura
Logo Moda & Tecnologia Miniatura.png
Logo Educação Política miniatura.jpg

Empresas em Destaque

1/6

1/2

1/1

1/3