top of page
GUPET.jpg
MÍDIA DA CASTERLEITE ATUALIZADA_edited.jpg
95090b_c4ed513d5c6c4c7ab4c88326c9ab528b~mv2.png
MIDIA JORNAL A FOLHA DO VALE DISK PRÁTIC
Guia Digital da Cidade_edited.jpg
Mandala%20do%20L%C3%ADrio_edited.jpg

Integração Ativa, no Guia Digital da Cidade:

Autoconfiança é uma capacidade para ser trabalhada


Segurança e autoconfiança estão interligadas. Estas duas características determinam o desenvolvimento e o progresso de pessoas, de empresas, de municípios, região, estado e do país.


Entretanto estas são habilidades que só pode ser desenvolvida em meio a desafios, sejam estes autoimpostos ou impostos pelo meio e pela sociedade. Estão correlacionado à obtenção de determinados objetivos/metas pessoais, profissionais, empresariais e coletivas.


Algumas as ações a serem tomadas para o desenvolvimento da Autoconfiança, segundo psicólogos:


#1. Sorria mais

Por que sorrir ajuda como melhorar a autoconfiança? É simples: sorrir faz com que a gente se sinta bem. O sorriso engana a sua mente e torna tudo mais feliz. Quando você se sente bem, está mais propenso a pensar que você é uma boa pessoa.


Assim, elevando o seu humor, você aumenta a sua confiança. Você se torna menos preocupado com suas falhas, ou com qualquer coisa que você acredita que são falhas.


Você se torna menos rude com você mesmo, e fica mais propenso a apreciar quem realmente é.

#2. Reconheça suas competências

Parte de ser confiante é saber quem você é, o que você é, e o que você faz bem. Outra parte se resume em saber o que você não faz tão bem.

Por que é importante fazer uma autoavaliação profissional e saber o que você faz bem e o que você não faz? Por conta desses motivos:


Você pode melhorar: Saber que você não é bom em alguma coisa dá a você o discernimento para fazer ativamente algo sobre isso.

Você sabe do que é capaz: Dessa maneira, você pode facilmente evitar situações que te deixam embaraçado.

Saber onde você é bom: Finalmente, saber suas falhas deixa claro onde você é bom. Não podemos nos destacar em tudo, mas isso nos ajuda a enxergar onde nos destacamos.

Finalmente, podemos entregar aquilo que não fazemos bem para pessoas que fazem bem.

#3. Use a sua melhor roupa
#4. Acabe com as comparações
#5. Deixe de lado as expectativas de terceiros
#6. Liste 10 coisas sobre você que te fazem sentir bem
#7. Esteja preparado
#8. Leve as conversas para um assunto que você conheça
#9. Identifique suas paixões
#11. Seja você mesmo.
P.09 DA ED_edited.jpg
bottom of page