top of page
GUPET.jpg
MÍDIA DA CASTERLEITE ATUALIZADA_edited.jpg
95090b_c4ed513d5c6c4c7ab4c88326c9ab528b~mv2.png
MIDIA JORNAL A FOLHA DO VALE DISK PRÁTIC
Guia Digital da Cidade_edited.jpg
Mandala%20do%20L%C3%ADrio_edited.jpg

Integração Ativa, no Guia Digital da Cidade:

Reciclagem de tecido existe: conheça as iniciativas e veja como participar


A indústria têxtil é a segunda maior poluente do mundo. O debate sobre o seu futuro reacendeu levando várias marcas e profissionais da moda a colocarem a sua cota de responsabilidade em questão.


Moda sustentável e moda consciente

Conceitos como moda sustentável e moda consciente estão muito atuais porque nos ajudam a refletir sobre todo esse processo encabeçado pela indústria têxtil que deságua em nós, consumidores.

De acordo com o Etiqueta Única, apenas 20% dos tecidos são reciclados por ano em todo mundo. Uma quantidade ainda muito baixa em relação à produção de 73 milhões de toneladas de tecidos em 2015, com estimativa de crescimento anual de 4% até 2025.

Somente no Brasil, a indústria da moda gera 175 mil toneladas de resíduos têxteis anualmente, segundo dados da Associação Brasileira da Indústria Têxtil (ABIT) divulgados pelo site Autossustentável.

O modelo de fast fashion e de lançamento de coleções de vestuário por estação, que ganhou fôlego a partir da década de 1990, está com os dias contados. A produção rápida de roupas baratas, de qualidade questionável e feita por uma mão-de-obra explorada não pode mais ser tratada como normal.

A roupa tem um ciclo de vida e um custo ambiental que precisam ser levados em conta. O ciclo de uma peça, em geral, começa em uma plantação de algodão, na qual são usadas toneladas de agrotóxicos e outros produtos químicos, e termina, ao ser descartada, em oceanos e aterros sanitários.

Já os tecidos sintéticos, como o poliéster e o nylon, podem até ser reciclados, mas não são biodegradáveis. Isso significa que toneladas de fibras e produtos químicos são enviados aos oceanos no processo de reciclagem de peças feitas com esses componentes.








P.09 DA ED_edited.jpg
bottom of page