top of page
Divulgação Pronac 2316326.jpg
Logo Site Projetar e Construir.jpg
LOGO FINANÇAS E CONTABILIDADE.jpg
LOGO SAÚDE EM FOCO.jpg
Logo_AgroNegócio_&_Veterinária_Miniatura
Logo Moda & Tecnologia Miniatura.png
Logo Educação Política miniatura.jpg
Guia Digital da Cidade_edited.jpg

Integração Ativa, no Guia Digital da Cidade:

GUPET.jpg
  • Por: Maurilio Trindade Aun/Jornal a Folha do Vale

Juína e Castanheira são os primeiros municípios da região a ter registros de Candidaturas deferido n

Temos conhecimento que diversas candidaturas foram deferidas na região, ate alguns que alguns promotores pediram o indeferimento, mesmo assim, ao consultar o sistema do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), somente a candidatura do candidato a prefeito em Castanheira, consta como deferido, bem como, no caso de Juína, dos 4 candidatos a prefeito, 3 já consta como deferido, apenas o candidato a prefeito do PSL, ainda aguarda deferimento.


Claro, isso se deve pela celeridade do juiz eleitoral de Juína, que responde por Juína e Castanheira, portanto, o ministério público eleitoral também atuou com celeridade, e desta forma, são os primeiros municipios a terem candidaturas deferidas na região do Vale do Arinos e Vale do Juruena.


No estado, possivelmente o juiz eleitoral que mais problemas vai enfrentar, juntamente com o ministério público eleitoral, deverá ser o de Colniza, pois são 10 candidatos a prefeito, fora os candidatos a vereadores.


No caso do município de Castanheira, o atual grupo político de Castanheira, lançou para o cargo de prefeito, Jakson de Oliveira Rio Júnior, com a composição partidária (PT, MDB, PSB e PSD), sendo que o vice-prefeito é o mesmo que estava junto da prefeita Mabel, ou seja, Jandir Alberto Scheffler continuará como vice-prefeito, digo continuará, pois, neste caso de candidatura única, o prefeito e vice estão praticamente eleitos, desde que nem cometam crime eleitoral e se lembrem de votar e acertam o próprio número.



Portanto, no caso do município de Castanheira, basta o candidato e o grupo político respeitar as leis e os moradores participativos e fiscalizadores irem votar, que está fácil saber quem administrará a localidade a partir do dia 1 de janeiro de 2021.


Por outro lado, no município de Juína, apesar de existir 4 candidatos a prefeito, é da opinião de diversos moradores que a disputa realmente ficará entre o atual prefeito, Altir Peruzzo (PT), que tem no arco de aliança as siglas partidárias (PT / PDT / MDB / PSB), com o lema: “JUÍNA EM BOAS MÃOS”, enquanto que o outro candidato a prefeito forte e que trará certa dificuldade ao atual prefeito é o candidato Paulo Veronese (PODEMOS), com o arco de aliança partidária composta pelas siglas (PODE / PSDB / PATRIOTA / DC / DEM / CIDADANIA / PP / REPUBLICANOS), com o lema: “UNIÃO POR JUÍNA”, os outros dois candidatos saíram sem composição partidária, sendo um, o Lelinho, jornalista e comunicador há muitos anos em Juína, pelo PRTB e outro, o funcionário público, também jornalista e comunicador, o Bil pelo PSL.

Todavia, em conversas com moradores e empresários, a eleição realmente será disputada entre o Altir Peruzzo e Paulo Veronese, e que por outro lado, estes dois candidatos tiram na realidade votos dos mesmos eleitores que poderiam votar em Paulo Veronese, ou seja, é da opinião de muitos na localidade, que apesar destes candidatos serem oposições ferrenha do PT, ou seja, Lelinho e Bil fazem oposição ao atual grupo no poder, ao PT, mesmo assim, nesta linha, estarão ajudando uma possível vitória de Altir Peruzzo em Juína, mesmo odiando ao PT, estão indiretamente ajudando ao PT, pois eles nem tiram votos de eleitores do PT, mas sim, do outro grupo de oposição ao PT, comenta diversos moradores e algumas lideranças.



Por: Maurilio Trindade Aun


bottom of page