top of page
GUPET.jpg
Logo Site Projetar e Construir.jpg
LOGO FINANÇAS E CONTABILIDADE.jpg
LOGO SAÚDE EM FOCO.jpg
Logo_AgroNegócio_&_Veterinária_Miniatura
Logo Moda & Tecnologia Miniatura.png
Logo Educação Política miniatura.jpg
MÍDIA DA CASTERLEITE ATUALIZADA_edited.jpg
95090b_c4ed513d5c6c4c7ab4c88326c9ab528b~mv2.png
MIDIA JORNAL A FOLHA DO VALE DISK PRÁTIC
Guia Digital da Cidade_edited.jpg
Mandala%20do%20L%C3%ADrio_edited.jpg

Integração Ativa, no Guia Digital da Cidade:

Esses deputados federais que foram contra a PEC do calote precisam receber o nosso repúdio

Enfim temos o primeiro passo para uma base legal em amparo aos caloteiros


Primeiramente precisamos agradecer aos deputados federais que lançaram a primeira base legal para nós dar a dignidade que a constituição cidadão de 1988 nos garante, pois, muitas vezes compramos, prometemos e acreditamos que teremos esse ou aquele pagamento, esse ou aquele rendimento, mas acaba nem tendo, e acabamos deixando de quitar os nossos compromissos em dia e por isso muitas vezes somos taxados de caloteiros, estelionatários e outros adjetivos, mas isso poderá estar com os dias contados, pois, se o governo federal pode alegar falta de recursos para nem pagar as dívidas até as determinadas pela justiça (precatórios), então “nós” meros mortais podemos ter essa mesma lei a nosso favor, pois, sempre dizem que os exemplos vem de cima.



Na realidade, o estelionatário eleitoral também precisa ser legalizado, pois nem é porque um candidato para se eleger para prefeito, vereador, deputados, governadores e presidente promete isso e aquilo que é obrigado a cumprir, aliás, isso é o que mais ocorre, promessas que nem se cumprem, mas ainda falta uma certa base legal para os caloteiros eleitorais, mas claro, já que os caloteiros financeiros começam a ter uma das primeiras bases legais, precisamos ampliar esses direitos a todos os segmentos sociais e a todos os tipos de calotes, direitos iguais, inclusive com mais emendas constitucionais ampliando os direitos dos caloteiros, aliás, precisamos de leis assim que representa de verdade os brasileiros.


Portanto, esses deputados federais de Mato Grosso que foram contra a PEC do calote federal nem nós representam, pois, se o governo federal diante da situação, alega que pode dar o calote e tem direito a uma bancada de deputados federais e senadores paras lhes defender, também temos esses mesmos deputados federais e senadores ao nosso lado, sofridos trabalhadores, pequenos empresários, estudantes que nem puderam pagar mensalidades de escolas e universidades, pessoas de bem, mas que diante da atual situação também nem conseguimos quitar nossas dívidas, portanto, nem somos caloteiros, mas sim vítimas da atual situação econômica, vítimas de desacertos comerciais, vítimas de uma situação alheia a nossa vontade, vítimas dos mercados internacionais, enfim, simplesmente nem conseguimos cumprir os nossos compromissos pois as situações fogem das nossas responsabilidades, enfim, agora temos um governo federal, diversos deputados federais e senadores que nós representam, e que nós possibilitam uma base de defesa constitucional.


Depois desta lei sendo aprovada nem precisamos mais "termos" vergonha de "sermos" mentirosos, caloteiros, enganadores, trapaceadores e muito menos se sentir culpado em receber recursos para estar ao lado de políticos safados, mentirosos e corruptos, pois o importante é estar ao lado de quem tem a chave dos cofres públicos, pois, se ate os deputados e senadores precisam se vender e receber recursos para poder votar, também estamos certos então em cobrar para votar, para se manifestar, para escrever, para opinar, enfim tudo por dinheiro, e tudo tem o seu preço e quem discordar devemos excluir dos grupos, pois, esses contrários aos calotes, as mentiras e enganações nem nós compreendem se negam a ver a nossa realidade, são uns esquerdistas ultrapassados que nem acompanham a evolução da sociedade.


Portanto, repúdio aos deputados federais de Mato Grosso, Rosa Neide (PT), Carlos Bezerra (MDB) e Juarez Costa (MDB-MT), pois, esses parlamentares nem sabe a realidade do Brasil, precisamos de lei e amparo legal para darmos as nossas justificativas para nem pagarmos as nossas dívidas e com o governo federal como exemplo estaremos amparados legalmente e moralmente, se os governos municipais, estaduais e federal que a cada dia arrecada mais e mais pode dar calote, mentir, enganar e ludibriar, também podemos, pois temos o governo que nos representam, ou seja, se somos caloteiros precisamos nos unir e se defender contra esses que vivem nos cobrando, contra esses políticos contrários aos calotes, por isso, repúdio a todos os deputados federais e senadores contrário ao nosso direito em sermos caloteiros.


Por: Maurilio Trindade Aun



Commentaires


P.09 DA ED_edited.jpg
bottom of page