top of page
GUPET.jpg
Logo Site Projetar e Construir.jpg
LOGO FINANÇAS E CONTABILIDADE.jpg
LOGO SAÚDE EM FOCO.jpg
Logo_AgroNegócio_&_Veterinária_Miniatura
Logo Moda & Tecnologia Miniatura.png
Logo Educação Política miniatura.jpg
MÍDIA DA CASTERLEITE ATUALIZADA_edited.jpg
95090b_c4ed513d5c6c4c7ab4c88326c9ab528b~mv2.png
MIDIA JORNAL A FOLHA DO VALE DISK PRÁTIC
Guia Digital da Cidade_edited.jpg
Mandala%20do%20L%C3%ADrio_edited.jpg

Integração Ativa, no Guia Digital da Cidade:

Mudança Positiva: Novas Etapas na Gestão de Resíduos Sólidos em Juara

Balanço dos Primeiros Dias: Operação de Lixo Doméstico em Aterro Sanitário de Juara

Juara sai na frente e já deu o pontapé inicial em acabar com o lixão a céu aberto de nossa cidade. O Plano Nacional de Resíduos Sólidos, prevê o fim dos lixões até agosto de 2024. Atenta a isso, a Administração Municipal está fazendo valer o que determina a Lei 12305/2010 da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS). Deste o dia 20 de julho, todo resíduo sólido está sendo encaminhado ao local adequado que é o aterro sanitário e nenhum lixo doméstico está sendo descartado no lixão a céu aberto, minimizando os impactos ambientais e de saúde pública.

O Secretário de Cidade Salvador Pizzolio fez um balanço dos primeiros 11 dias de operação do lixo doméstico levado para o aterro sanitário. O processo de descarregamento envolve etapas como:

Chegada e Pesagem: Caminhões de coleta de lixo chegam carregados com resíduos coletados de residências, empresas e outras fontes. Eles são pesados na entrada e, após a pesagem, seguem para o descarregamento na vala ou célula preparada do Aterro Sanitário.

Segunda Pesagem e saída: Após a descarga, os caminhões são pesados novamente para determinar a quantidade de lixo deixado no aterro. O motorista recebe uma guia da pesagem com todos os dados da operação, como; peso, placa do caminhão, nome do motorista, dia, e horário.

Desde o início em 20 de julho até 1º de agosto, foi registrada uma média de cerca de 17 toneladas de resíduos sólidos por dia, coletados pelos 3 caminhões da Prefeitura de Juara. O valor pago por tonelada de lixo no aterro é de 188 reais, de acordo com a licitação. Durante o período de seca, a expectativa é coletar uma média de 480 a 500 toneladas por mês na cidade.

Eliminar o lixão foi o primeiro passo. Agora, a Administração Municipal está dando novos passos em direção ao gerenciamento dos resíduos sólidos, por meio de um conjunto de ações relacionadas à reciclagem. O primeiro Ecoponto de Juara já está em operação. Além disso, o trabalho dos catadores de materiais recicláveis será integrado às iniciativas da gestão municipal.

Salvador Pizzolio ressalta que a população é o principal agente participativo em todo esse processo. Cada pequeno esforço individual contribui para uma redução significativa no volume de resíduos enviados aos aterros sanitários e para a promoção de uma gestão mais eficiente e econômica dos resíduos sólidos pela prefeitura de Juara.

Secretaria de Cidade | Prefeitura de Juara