top of page
GUPET.jpg
Logo Site Projetar e Construir.jpg
LOGO FINANÇAS E CONTABILIDADE.jpg
LOGO SAÚDE EM FOCO.jpg
Logo_AgroNegócio_&_Veterinária_Miniatura
Logo Moda & Tecnologia Miniatura.png
Logo Educação Política miniatura.jpg
MÍDIA DA CASTERLEITE ATUALIZADA_edited.jpg
95090b_c4ed513d5c6c4c7ab4c88326c9ab528b~mv2.png
MIDIA JORNAL A FOLHA DO VALE DISK PRÁTIC
Guia Digital da Cidade_edited.jpg
Mandala%20do%20L%C3%ADrio_edited.jpg

Integração Ativa, no Guia Digital da Cidade:

Para ser feliz, é preciso pensar no coletivo


Você já pensou na relação entre sustentabilidade e felicidade? O termo “felicidade sustentável” foi criado pela professora canadense Catherine O’Brien. Segundo ela, para ser feliz é preciso levar em consideração que as ações individuais refletem todo o coletivo.

Sabendo do impacto positivo ou negativo, que uma atitude pode gerar, cada um escolhe como agir. Catherine defende que esta é a felicidade que contribui para o bem-estar individual, comunitário e global. Sem a exploração de outras pessoas, ambientes ou gerações futuras.

Pensando nisso, fica claro que os aspectos ambientais, sociais e econômicos precisam ser analisados como um todo. Desde as pequenas escolhas diárias até grandes decisões. O que significa que é preciso levar tais aprendizados dentro do seu ambiente de trabalho, educacional e, claro, nas relações pessoais.

Uma pesquisa do European Social Survey mostrou que as pessoas que concordavam com a afirmação: “é importante cuidar do meio ambiente”, apresentavam os mais altos níveis de bem-estar

Já dados do World Values Survey mostram que as pessoas que reciclam são mais felizes do que aquelas que não o fazem:

Muitos acreditam que a busca pela felicidade é somente um caminho individual. Mas, fica cada vez mais claro que criar comunidades saudáveis e habitáveis é essencial para que todos possam conviver harmonicamente. E é muito importante sentir que somos parte de algo maior que nós.





Comments


P.09 DA ED_edited.jpg
bottom of page