top of page
GUPET.jpg
Logo Site Projetar e Construir.jpg
LOGO FINANÇAS E CONTABILIDADE.jpg
LOGO SAÚDE EM FOCO.jpg
Logo_AgroNegócio_&_Veterinária_Miniatura
Logo Moda & Tecnologia Miniatura.png
Logo Educação Política miniatura.jpg
MÍDIA DA CASTERLEITE ATUALIZADA_edited.jpg
95090b_c4ed513d5c6c4c7ab4c88326c9ab528b~mv2.png
MIDIA JORNAL A FOLHA DO VALE DISK PRÁTIC
Guia Digital da Cidade_edited.jpg
Mandala%20do%20L%C3%ADrio_edited.jpg

Integração Ativa, no Guia Digital da Cidade:

Quem nós inconscientemente somos em relação à Bem Aventurança e Prosperidade?


Convenhamos, no inicio de todo ciclo muitos 'desejam' à si e aos outros a dita: prosperidade! Mais a final, sabemos mesmo o que ela representa/significa? e todas as crenças e percepções da realidade que nós temos e que 'firmam' nossos alicerces na 'realidade que percebemos'?


Em verdade se formos analisar tudo como de fato é nós já somos 'Prósperos e bem-aventurados' com disposição física, mental, emocional e espiritual 'Que sempre mantemos'!. Mais bem sabemos que na realidade que atuamos o Capital financeiro é uma das ferramentas que impulsionam a concretização de trabalhos e projetos, então, para vencermos a chamada 'Auto sabotagem' reflitamos:


CRENÇAS PESSOAIS SOBRE PROSPERIDADE E RIQUEZA


01) Você tendo uma 'fonte infinita de recursos... Você continuaria a atuar na mesma área que atua/trabalha... localidades? Ou largaria tudo e seguiria outro rumo? (A resposta a esta questão 'já' indica se é necessário reordenar ações.


PROSPERIDADE...?

02) Quem ou o que se aproxima e/ou se afasta? Por quê?


03) Como eu penso em agir caso 'subtamente' alguém próximo (familiar, colega, amigo, vizinho) vier a ter acesso a uma vultuosa fonte de recursos? Continuo onde estou? Perto? Longe? Progrido também? Me aproximo? Dialogo mais? Me afasto? Dialogo menos ou fico indiferente?


04) Como (imagino) que as pessoas agiriam em relação à mim?


05) Como imagino que as instituições financeiras agem em relação à mim?


06) Como imagino que os centros filantrópicos e de caridade agem em relação a mim e aos meus empreendimentos? Tenho por hábito a prática de doar ao menos 5 a 10% do que recebo através de minhas iniciativas/trabalhos? Como me sinto quanto percebo que meus atos de generosidade, por mais singelo que sejam, promove bem à mim e ao próximo?


07) Como eu organizo minhas equipes de trabalho/ Delego funções? Ou pretendo realmente 'trabalhar' para manifestar o básico do básico... suprindo exclusivamente minhas necessidade/de 'amigos e familiares próximos, sem conceder oportunidade à mais ninguém?


08) Quais são os valores e condutas intoleráveis em minha presença?


09) Como é quando tudo flui perfeitamente bem? O que eu faço? Como me visto? Como me alimento? Como trato as pessoas? Como caminho? Qual postura geralmente mantenho?


10) O que os 'outros' dizem, percebem, sente em relação à minha presença/existência?


11) Que, quais e quantas iniciativas promovo e quais também financio?


12) O QUE DECLARA/SENTE QUANDO ALGUÉM FORNECE ALGUM SERVIÇO/PRODUTO À SUA EMPRESA/EMPREENDIMENTO/INICIATIVA? CONSEGUE PERCEBER A BÊNÇÃO DISTO E TODOS OS CANAIS DE PROSPERIDADE QUE SE ABREM OU VÊ TUDO COMO EXTORSÃO? COMO SE QUIZESSEM ARANCAR ALGO DE VOCÊ?


14) Quem o o que se mantém por Lealdade?


15) Acredito que a abundância financeira promove a união entre as pessoas?


16) Me permito me desenvolver em equilíbrio e harmonia, com meu ser e com o universo?


17) O quanto acredito que terei de trabalhar mais? Ou o quanto terei/poderei delegar funções com o acréscimo constante e crescente dos meus rendimentos?


17) No que invisto meus rendimentos? Sou alguém se se permite ter dinheiro na carteira/bolso/bolsa? Quanto invisto em vestuário? Quanto invisto na melhoria da qualidade de minha alimentação? Quanto invisto em meus estudos? Quanto invisto em meu desenvolvimento profissionais? Quanto invisto nos empreendimentos que me concedem diversão e lazer? Quanto invisto em meus hobbies/dons artísticos? Quanto invisto nos sonhos e trabalho alheio?


... todas as respostas que fornecemos a estes questionamentos dão 'visibilidade' aos nossos paradigmas! nossas crenças enraizadas e são elas que 'inconscientemente' preditam/ predizem nossa realidade, para nos 'garantir' segurança, conforto e bem-estar.

PROSPERIDADE a percepção pauta-se em gratidão e no entendimento de bênçãos recebidas, pauta-se em compreensão, em paz de espírito e completude de ser. A prosperidade também pauta-se em nossa percepção da importância e o impacto que nossas ações e trabalhos geram ao meio em que estamos.


São as nossas crenças de merecimento, de possibilidades, de capacidade, nossas bases de motivação, nossas referências de vida/existência, o entendimento da importância do que fazemos, nosso entendimento de auto responsabilidade, autoconsciência, autodomínio e a compreensão do conceito de desenvolvimento eterno que pautam nosso nível de percepção e manifestação de abundância e prosperidade em todas as áreas de nossa vida.


Por: Elizangela Trindade | 2022 01 03 20:04 | Direção do Jornal A Folha do Vale


Saúde em Foco



Comentários


P.09 DA ED_edited.jpg
bottom of page