top of page
GUPET.jpg
MÍDIA DA CASTERLEITE ATUALIZADA_edited.jpg
95090b_c4ed513d5c6c4c7ab4c88326c9ab528b~mv2.png
MIDIA JORNAL A FOLHA DO VALE DISK PRÁTIC
Guia Digital da Cidade_edited.jpg
Mandala%20do%20L%C3%ADrio_edited.jpg

Integração Ativa, no Guia Digital da Cidade:

Mais um chá potente queima gordura de forma saudável


Mais um chá potente queima gordura de forma saudável. O chá é um dos recursos mais utilizados por quem quer emagrecer. A sua ingestão aliada a uma alimentação saudável, pode mesmo acelerar o metabolismo e ajudar a queimar gordura mais rápido. É o que explica a especialista em clínica médica e em nutrição funcional Sarina Occhipinti.


“Além de ser uma bebida natural, o chá pode ser adaptado para consumo em qualquer época do ano”, comenta. Segundo Sarina, chá verde, hibisco, gengibre e canela são os mais indicados neste caso, graças aos componentes termogênicos que possuem.


Ajudam a desinchar, a enganar a fome e a acelerar o metabolismo. Tendo isso em mente, a especialista criou o Sarichá, que une todos esses ingredientes. Eis a receita:


Receita: Sarichá

Ingredientes:
  • – 1 colher (sopa) de chá verde;

  • – 3 colheres (sopa) de hibisco;

  • – 2 cravos;

  • – 1 litro de água;

  • – Gengibre ralado (a gosto);

  • – Canela em pó (a gosto);

  • – Adoçante Stevia (opcional);


Preparação:

Coloque as folhas em água fervendo e tape por, no mínimo, 10 minutos. Depois, bata o chá no liquidificador com o gengibre ralado e a canela. Adoce se achar necessário. Deixe esfriar e coloque a bebida em uma garrafa de vidro com os cravos . Beba durante todo o dia.


Benefícios dos componentes do Sarichá

– Chá verde: é diurético, desintoxicante e termogênico;

– Gengibre com canela: são famosos pela sua ação termogênica e atuam, diretamente, sobre o processo metabólico, favorecendo a queima de calorias em pouco tempo.

– Hibisco: conta com a ação diurética, que ajuda a eliminar a retenção de líquidos e, além disso, é eficaz a combater a gordura instalada, principalmente a que se concentra na barriga e no quadril, sendo também as mais difíceis de eliminar.


Fonte: Redação Simões Filho Online

P.09 DA ED_edited.jpg
bottom of page